Páginas

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010



Vi inícios de canções

de luz e Melodia

ao Tom de Ipanema...

cor ali nas graciosas

esquinas rumo ao sol.

Samba, bossa nova,

em dias de verão,

o Rio sempre é bom.

Maravilhosa cidade,

aquarela de temas

a tingir de nostalgia

as pedras do arpoador.


Ao final da tarde

Chico encanta o mar

- paisagem, vida e som-,

veja que flor bela,

tal Leila Diniz...

vozes de Copacabana,

- em letras de Assis-,

lapela e Cartola,...

buquês de Noel Rosa,

nas cores da poesia

de Drummond.


Poema: CENA RIO (Rita Costa e André L. Soares)

Oi gente!!!!
Quanta saudade de vocês!!!! Um brinde para quem acertar aonde estou... (dica: percebam bem o poema e a foto acima!!!) aiushiaushaiushaiushaiushaiushaiushasi... dificil neh?!?!?
É isso mesmo!!! Estou na MINHA cidade maravilhosa!!!!
Graças a Deus sobrevivi a correria de Cuiabá e consegui chegar aqui...
Como na minha vida não pode faltar uma emoção, senão perde a graça... lá vai mais uma:
Chegamos no aeroporto (eu, meu pai e minha mãe), tudo tranquiiiilo... foi quando minha mãe disse: "Pessoal, peguem os documentos"... de repente, meu pai percebe: "Ih... esqueci a carteira!!! Não trouxe documento nenhum..." ÉÉÉÉÉÉÉÉ pessoal... foi aí que começou a correria!! Ligamos pra minha cunhada (que havia nos deixado no aeroporto) para ela voltar... esperamos uns 10 minutos (o que prejudicou muito) e meu pai foi rumo ao resgate da carteira esquecida...
Nisso, cheguei para a moça da companhia, bem escondida e disse: "Moça... meu pai esqueceu os documentos... mas já foi buscar, tem como vc segurar o avião???"... ela olhou bem para meu rosto, percebeu o desespero e disse q faria o possível.
Beleza... o tempo foi passando, passando, passando e.... NADA do meu pai!!! Liguei váááárias vezes e ele sempre "tá chegando", sabem como é né?! De repente ouvimos no rádio do segurança e da mocinha da companhia: "O avião vai decolar." a mocinha disse: "Então pode tirar as bagagens" ... fiquei TRANSPARENTE... olhei para ela e falei: "Moça.. pelo amor de Deus... segura mais um pouco.. ele já tá chegando"... rapidamente liguei para meu pai que disse que em 3 minutos chegaria no aeroporto.. falei isso pra ela e ficamos na contagem regressiva, se ele não chegasse... as bagagens seriam retiradas e o avião decolaria sem a gente.
De repente................................ o carro da minha cunhada aparece... gritei: "CHEGOU!!! CHEGOU!!!!" e meu pai saiu do carro e por incrivel que pareça ficou em pé conversando e despedindo da norinha querida dele... nesse momento comecei a correr e gritar: "PAAAAAAAAAI.. PAAAAAAAAAAI.... COOOOOOOOOOOOOOOOORRE!!".. peguei ele pelo braço e começou literalmente a correria... eramos EU, MEU PAI, MINHA MÃE E A MOCINHA DA COMPANHIA correndo loucamente pelo aeroporto... e o meu pai? MORRENDO DE RIR!!!
UFA!!!!!
Quanta emoção, não?!?!?!
É isso pessoal, só passei para contar essa emoção... depois conto mais, ok?!
Beijoooocas na ponta do nariz!!

Um comentário:

Atelie Da Lagartixa disse...

É nessa energia de paz e amor, que desajamos a todos um feliz natal!!!
Não nos esquecendo nunca do aniversariante: Jesus!!!
Bjs e abraços...
São os sinceros votos das lagartixas!!!

Postar um comentário

É um prazer saber a sua opinião... ler a sua sugestão, critica, pedido... ou um simples OLÁ!!